Telão da Copa, arena de rúgbi

BLOEMFONTEIN – Reservas espalhadas ao longo do país para cada grupo étnico. Estavam proibidos de viver nas áreas dos brancos. Mas, com a prosperidade, os brancos não queriam fazer o trabalho pesado, e atraíram a mão-de-obra negra. Essa imigração ilegal criou as cidades-dormitórios, inicialmente favelas em torno das cidades brancas.

Rocklands é uma das 20 cidades-dormitórios que circundam Bloemfontein. Foi aqui que nasceu o Celtics em 1969, como parte de um trabalho social de conscientização e união dos negros. Até hoje, o futebol tem um forte apelo social. “O futebol é uma oportunidade para os jovens que não têm estudo de ser bem-sucedidos”, diz o garçom Andile Vincent Sani, de 25 anos. Sani não conhece ninguém que jogue rúgbi. Mas todos os seus vizinhos gostam de futebol. “O rúgbi só é jogado pelos negros que têm dinheiro e estudam em escolas privadas, frequentadas pelos brancos.”

Como parte das tentativas do governo sul-africano de integrar os dois lados da população, os telões para assistir as partidas da Copa do Mundo foram instalados no estádio de rúgbi de Rocklands, e não no campo do Celtics, que está fechado durante o Mundial. É a primeira vez que muitos moradores do bairro entram ali.

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*